segunda-feira, 28 de julho de 2008

No combóio...reflexões


Numa tal manhã rotineira...de combóio...são poucas as vezes em que me sento...ou melhor, sento-me para logo a seguir ceder o meu lugar...um idoso, uma grávida, alguém com uma criança ao colo, um ceguinho...e assim por diante...mas quando esse lugar pode ser meu aí sim...ou vou lendo ou então...embrulho-me nos meus pensamentos e dou comigo a entrar num trocadilho...

Eu sempre achei que andar de combóio o que tem piada é de costas, (de costas para a frente e de frente para trás).

Lá vou eu viajando de costas voltadas p'ró futuro e de frente p'ró passado! Dou comigo a pensar se viro as costas ao futuro e enfrento o passado! Não sei se me interessa tal ou se para apróxima troco e volto as costas ao passado e dou de caras com o futuro! Neste caso...neste mesmo dia o combóio ia depressa demais e no Cais do Sodré seguiu em frente e numa travagem forçada valeu-me ir de costas p´ró futuro mas levei com um monte de gente do passado!

3 comentários:

Sofifaruk disse...

Mais vale estar de frente para o futuro e de costas para o passado, porque como diz o velho ditado "Águas passadas não movem moinhos".

Tombazana disse...

É vero! Também concordo contigo.

Beijinho muitos

NELIO disse...

hehehe ,realmente mais vale ir virada para o futuro.....